Esportes radicais e de aventura agregam os pontos fortes de turismo no Pampa

Criada em 09/07/2019



Dentre as inúmeras opções de turismo enriquecedoras que o Pampa pode oferecer, destacam-se atividades diferentes que vão desde vôo livre à escalada. Tendo em vista que a região da campanha possui um grande potencial para atrair novas práticas e novos adeptos para as mobilidades que podem ser realizadas em Bagé, Lavras do Sul e Caçapava do Sul.  

Não é preciso ir longe para encontrar, pelo Pampa, amantes e praticantes de caminhadas orientadas, escalada, canoagem, tirolesa, slackline, além de atividades ligadas à natureza, trilhas interpretativas, acampamentos, encontro de remadas, passeios de bicicleta, a cavalo, rapel, entre outros.

Nas proximidades da região da Campanha, lugares como o Rincão do Inferno e as Guaritas tem bastante procura para a realização destes e outros esportes.

Para os que se interessam também pela história do local, é datada de 1865 a descoberta da Mina de Cobre do Camaquã. A vila existente no local chegou a contar com quase 10 mil habitantes, onde havia o trabalho de mineração. Tendo a prática de mineração encerrada em 1996. O turismo surge, então, como um aliado à necessidade de uma nova iniciativa no espaço. Atualmente, nesta área, os turistas podem prestigiar a natureza, mais de 11 hectares de água para esportes náuticos e inúmeros atrativos.

FOTO: Divulgação Caderno Pampa